Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 22 de julho de 2012

PM começa a usar bicicletas para patrulhar pontos turísticos do Rio


Vinte policias militares começaram a patrulhar alguns pontos turísticos do Rio de Janeiro de bicicleta. O novo modelo de policiamento, projeto-piloto coordenado pelo Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (BPtur), pretende levar mais segurança a turistas brasileiros e estrangeiros em pontos importantes de visitação da cidade.
Duplas de policiais armados de pistola e taser, arma de eletrochoque, iniciaram o trabalho na orla de Copacabana, no Parque do Flamengo, na Lapa e nas praças Mauá e Tiradentes.
Segundo o comandante do Bptur, tenente-coronel Joseli Cândido da Silva, o projeto-piloto irá acontecer até o fim do ano, das 9h às 17h, mas o período do patrulhamento poderá ser modificado, caso seja necessário. Todos os PMs têm idade entre 24 e 30 anos. O grupo é formado por 15 homens e cinco mulheres.
"Avaliamos que era importante colocar o patrulhamento de bicicleta em pontos de fluxo de turistas. No Centro, por exemplo, há locais de muita visitação e há a questão do trânsito. O emprego da bicicleta supre nossas necessidades de proximidade com a população, agilidade e área de cobertura, ampliando a ação de nossos policiais. Além disso, o meio de transporte não polui", disse o comandante.
Dos 20 policiais designados para o patrulhamento em bicicletas, 13 são bilíngues, falam inglês ou espanhol. A intenção é formar gradativamente um grupo em que todos tenham conhecimento de idiomas estrangeiros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário