Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 15 de junho de 2011

UTFPR desenvolve carro elétrico e bicicleta movida a hidrogênio



UTFPR desenvolve carro elétrico e 



bicicleta movida a hidrogênio

Projetos são produzidos pelo "Escritório Verde" da Universidade.
Carro movido a energia elétrica e solar deve ser vendido a partir de 2012.


 A Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), através do projeto “Escritório Verde”, desenvolve dois projetos de mobilidade sustentável para Curitiba. Um carro movido à energia elétrica e solar deve estar disponível para vendas em 2012, e o primeiro protótipo da bicicleta movido a hidrogênio deve ser finalizado até o fim do ano.
Pompeo
O Pompeo é um dos primeiros carros elétricos brasileiros, e não emite poluentes. Ele tem espaço para duas pessoas e será carregado através de energia elétrica e solar. Para alimentar o Pompeo são necessários 3 mil watts de energia solar, e 500 watts de energia eólica, o que confere uma autonomia de 200 km. Segundo o coordenador do projeto, Eloy Casagrande Júnior, essa energia custará cinco vezes menos do que os combustíveis utilizados hoje.
A previsão é de que o protótipo final do Pompeo seja homologado até o fim de 2011, quando serão abertas as reservas para as vendas. O engenheiro elétrico Carlos Eduardo da Motta, que participou da concepção do carro, acredita que em 2012 já será possível a produção em série para vendas.
Bicicleta movida a hidrogênio
O projeto surgiu como alternativa ao transporte público. Segundo o criador da bicicleta, Giovani Gaspar, a ideia é alugar as bicicletas em um projeto de mobilidade urbana para a Copa do Mundo de 2014. O “Escritório Verde” deve ser o primeiro posto de recarga no equipamento.
Segundo Gaspar, o hidrogênio é gerado através da eletrólise da energia solar com água da chuva, o que torna o custo de reabastecimento zero. Para o abastecimento completo da bicicleta, seria necessário um cilindro de hidrogênio que custa cera de R$ 0,60. A autonomia da bicicleta varia entre 60 e 80 km, dependendo do relevo onde for utilizada.
O custo da bicicleta deve ser o mesmo das bicicletas movidas à bateria, entre R$ 2.500 e R$ 3 mil.
FONTE
http://g1.globo.com/parana/noticia/2011/06/utfpr-desenvolve-carro-eletrico-e-bicicleta-movida-hidrogenio.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário