Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Bikeboys: versão ecológica dos motoboys se populariza no país


 
Foto: Bike Express/Divulgação
Não se deixe enganar pelo tamanho: apesar de ocupar menos espaço, uma moto polui cerca de doze vezes mais do que um carro e, até mesmo, mais do que um ônibus, segundo dados do Ibama – Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis.
A informação – e a preocupação cada vez maior do brasileiro em ser ecologicamente responsável – fez com que muitas empresas passassem a apostar no serviço dos bikeboys: entregadores que usam a bicicleta como meio de transporte, ao invés das motocicletas ou de qualquer outro tipo de veículo movido a combustível fóssil.
Segundo as empresas que trabalham com o serviço, os bikeboys demoram o mesmo tempo que os motoboys para fazer uma entrega, mas por um preço mais acessível, já que não existe gasto nenhum com combustível. Outra diferença entre eles é que os bikeboys fazem mais esforço físico e, portanto, chegam muito mais suados ao seu destino, o que os obriga a levar sempre com eles toalhas, para não causar uma má impressão nos clientes.
O serviço tem feito tanto sucesso que, além das empresas especializadas, muitas companhias têm terceirizado o trabalho dos bikeboys. Na Editora Abril, por exemplo, o serviço dos bikeboys já pode ser solicitado para encomendas feitas em um raio de até 10 km e a previsão é ampliar cada vez mais o uso do serviço, contribuindo para o ar puro da cidade.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário